Arthur é acusado de praticar gaslighting no ‘Jogo da Discórdia’; entenda

O jogo da discórdia é um dos segmentos semanais do “BBB 22” (TV Globo) mais comentados nas redes sociais — e nesta segunda-feira não foi exceção. Durante a dinâmica da última noite, em que os brothers montaram rankings pessoais, o termo “Gaslighting” ficou entre os cinco assuntos mais comentados do país.

Impulsionados pela discussão entre Laís e Arthur Aguiar, internautas começaram a repercutir a nova briga entre os desafetos. Na ocasião, a médica goiana declarou que o ex-Rebelde tenta diminuí-la durante conversas e interações — ponto também observado por Lina e Jessilane. “Comigo, você diz que não sei o que estou falando, que dou show, que sou rasa e me diminui”, explicou.

O que é gaslighting?

É uma forma de abuso psicológico, em que o abusador distorce a realidade, mente e omite informações, fazendo com que a vítima duvide de si mesma e de sua própria sanidade. Dificilmente a vítima consegue identificar os sinais, por serem muito sutis, mas é possível que o gaslighting ocorra em paralelo a outras formas de abuso e situações, como quando um parceiro utiliza dessa tortura psicológica para fazer com que a mulher se sinta culpada ao ser traída.

 

Reação do público

Os fãs de “Big Brother Brasil” começaram a perceber que Arthur Aguiar manipula as situações para fazer com que ele pareça sempre certo e seus colegas de confinamento se sintam “menores” em relação às discussões.

No Jogo da Discórdia de ontem, ao constantemente interromper Laís, ele criou exatamente a situação que o favorece, fazendo-o parecer como o mocinho da história, não deixando a sister se explicar e fazendo-a duvidar de si mesma. Por conta disso, o brother foi acusado de praticar gaslighting contra a médica.

No entanto, fãs do ex-Rebelde rebateram as supostas acusações de abuso psicológico.

Compartilhe!